SANTO ANTÔNIO DO PINHAL

praca-sap
Tranqüilidade é a palavra quando o assunto é Santo Antônio do Pinhal. Um dos 15 municípios paulistas considerados estâncias climáticas, a cidade está no alto da montanha, é pequena e tem ares típicos de interior. Emancipada de São Bento do Sapucaí em 1960, a região é procurada pela paisagem e pelas fontes de águas terapêuticas.

Localizado a 172 km de São Paulo, o município possui boa infraestrutura turística, com comércio local, passeios e hospedagem para todos os tipos de bolsos. Na época do inverno (geralmente em julho), a cidade abriga um festival com diversas atrações culturais.

Pontos turísticos 

Localizada a 8 km do centro de Pinhal, a Cachoeira do Lageado possui queda de água de 27 metros. Com uma bela vista da natureza, o local possui banheiros, churrasqueiras e bancos para o turista. Outra opção de lazer é o Pico Agudo, que fica a 1.700 metros. Pó lá o visitante tem visão de 360 graus do Vale do Paraíba, além disso, a região é um prato cheio para os praticantes de voo livre.

Para quem procura as tão faladas águas terapêuticas, a Fonte Santo Antonio fica em frente à Praça Benedito Marcondes Raposo, tem elementos minerais, radioativos e puros. Para fechar o passeio, que tal visitar uma vila ferroviária? Na Estação Eugenio Lefèvre funciona desde 1916 e leva os turistas para Campos do Jordão e Pindamonhangaba.

Onde comer 

A alimentação típica do interior faz parte da gastronomia local, mas a culinária internacional tem sua vez na cidade. Um bom exemplo é o bistrô Canto da Gula, que serve carnes, peixes, massas e caldos, e o Salvatore Bistrot, com pratos franceses e italianos. A comida caipira está no Casa de Barro e no Fogão à Lenha.

Como a cidade abriga dois pesqueiros, não é difícil encontrar restaurantes especializados no assunto, como o Santa Truta. Se a pedida é carne, o Picanha na Tábua oferece cortes nobres da iguaria. Para finalizar o passeio gastronômico passe na Matinal Doces.

Onde comprar 

Mesmo sendo uma cidade pequena, o município possui o Shopping Vilarejo do Pinhal, com diversas lojas de roupas, acessórios, restaurantes e serviços. É por ali que estão os caixas eletrônicos (Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Nossa Caixa, Santander), por exemplo. Se você prefere comprar malhas, tricots e crochês, existem algumas banquinhas, ao lado da fonte Santo Antônio, que vendem os mais variados tipos de lã e modelos de blusas.

Além disso, a pacata cidade possui a Casa do Artesão que reúne, em diversos quiosques de madeira, desde malhas, sandálias e tapetes até queijos, doces e mel.

Fonte: http://www.guiadasemana.com.br/turismo/noticia/santo-antonio-do-pinhal